19/03/2013

Trechos


"Pequenas borboletas voam sobre minha mente.
Tem uma de cor anil que quer voar mais alto que as outras mil.
Sobre a minha mente há um céu azulado, céu brasiliense: cada tom perfeitamente encaixado.
Nesse meu céu voam tantas borboletas: coloridas, rosas, azuis, laranjadas vermelhas, violetas e pretas.
Voam também mariposas talvez mais belas ainda, daquelas que antigamente, os maridos caçavam e as enquadravam para dar de presente para a esposa dizendo o quanto a achava linda.
Mas eu não gosto de mariposa nem de borboleta presa.
Prefiro deixá-las soltas voando sobre a minha cabeça.
Olho para cima e vejo flores borboletando e mariposando sobre essa minha mente leve
(mais leve que barrinha de cereal light)

Mente que leva qualquer coisa perdida por esse céu azul a se transformar em versos sem métrica, com rimas que são embaralhadas, em uma tentativa de deixar a vida mais colorida e lembrar que o céu de Brasília me deixa maravilhada." Sarah Magalhães

Ps:Vocês curtiram o novo layout ? Comentem, beijos !

Nenhum comentário: